Hoje fui impulsionado por Deus a escrever sobre um tema da mais alta relevância. Quero falar-lhes sobre a importância da leitura da Bíblia para uma vida espiritual madura, constante, íntegra e produtiva.

Jesus dá atenção especial a este tema no capítulo 8 do evangelho de Lucas. É lá que está relatada a parábola do semeador. Conta esta parábola que Ele (Jesus) é o semeador, a semente é a palavra e a terra é o coração do homem que ouve a palavra. Diz que existem quatro tipos de terra, ou seja, quatro tipos de coração, determinados de acordo com a atitude que têm para com a palavra. Há o coração duro (à beira do caminho), que tem dificuldade de crer na palavra. Há também o coração de pedras, que até crê mas não cria raíz, os primeiros ventos fortes já fazem com que a palavra morra no coração. Também há o coração de espinhos, que Jesus chama de preocupações, ocupações, ambições e prazeres. E, por último, o coração bom. aquele que dá as condições necessárias à semente para que ela cresça. É aquele que proporciona um ambiente onde a prioridade é a semente e fazer com que ela produza frutos é o objetivo principal.

Pois bem, só em dizer isto já deveríamos entender que lugar a palavra deve ocupar em nosso coração. Mas Ele continua a falar sobre a importância que devemos dar à palavra com mais uma ilustração no capítulo 8 de Lucas. Agora compara a palavra a uma lamparina, ou uma lâmpada. Diz que não se pode acendar uma lamparina e colocá-la debaixo da cama, ou debaixo de um cesto. Se fizermos isso, a luz não será visível e, como consequência, não eliminará a escuridão. A lâmpada deve ser colocada em um local alto, de destaque, sem nada acima dela, para que nada bloqueie o alcance de sua iluminação. Ela não perderá sua capacidade de ser luz se estiver embaixo de algo, mas iluminará uma área pequena e a casa continuará em trevas. A lâmpada, que é a palavra (Sl 119.105) deve estar em lugar de destaque para acabar com as trevas.

Após contar estas duas ilustrações Jesus faz uma admoestação. Diz para que tenhamos cuidado com a resposta que damos à palavra. Ou seja, cuidado com a atenção que se dá à palavra, que é a semente e a lâmpada das histórias contadas, correndo o risco de perdermos o que achamos que temos caso não tenhamos essa luz brilhando inteiramente em nós.

Precisamos nos examinar e ver se temos dado à Bíblia o local de destaque que ela merece em nossa vida. Precisamos analisar em que posição a palavra tem estado em nosso dia-a-dia. Lá embaixo, embaixo da cama ou de um cesto? Perdendo em tempo para o whattsapp, para o instagram, para o facebook, para o programa preferido? Para os sonhos, projetos, para as leituras escolares, pré vestibulares ou acadêmicas? Para o trabalho, preocupações, ambições, ou riquezas? Para os amigos, família, ou namorados (as)? Avalie sua vida, qual o espinho que impede a semente de CRESCER? Qual o cesto que tem ficado ACIMA da lâmpada e impedido que ela BRILHE em todos os lugares da sua vida?

Enquanto a Bíblia não estiver no lugar mais alto da sua vida haverão lugares em escuridão. Para falar a verdade, toda e qualquer situação que estiver acima da Bíblia em sua vida, recebendo maior destaque do que ela, será uma área de escuridão. Se você quer que algo seja abençoado coloque este algo abaixo da Bíblia em seu dia-a-dia. Tudo que estiver acima dela não será iluminado.

Tenho pedido a Deus por um avivamento pleno, duradouro e produtivo em nossa geração. Mas não será possível vivermos este avivamento distantes da palavra. Não há avivamento sem que a palavra ocupe local de destaque em nossas vidas. Podemos ter experiências maravilhosas com Deus, elas só serão úteis e gerarão crentes maduros se vierem seguidas de comprometimento e compromisso com a primazia da palavra. A palavra deve ocupar mais e de melhor forma o nosso tempo.

Deus está procurando por pessoas que vão ficar mais tristes por estarem sem Bíblia do que por estarem sem celular. Gente que vai fazer da Bíblia uma companhia inseparável. Gente que vai rir, chorar, se emocionar, se acalmar, se arrepiar, se conhecer, conhecer o mundo, conhecer a Deus, tudo isso e muito mais lendo suas histórias e ouvindo Deus falar através destas linhas escritas com sangue de tantos homens. Homens estes que deram a vida para que esta palavra chegasse até nós.

Vamos entender que a Bíblia deve ocupar um lugar de destaque em nosso coração e em nossa rotina. Só assim poderemos ser cristãos maduros, produtivos, que vivem debaixo da luz. A Bíblia é a semente que precisa deixar de ser semente e crescer 30, 60 e 100 vezes em nós. A Bíblia é a lâmpada que iluminará nossa vida e dissipará as trevas que insistem em povoar nossos corações.

Convido você a colocar qualquer outro hábito abaixo da Bíblia e dar destaque a ela em seu dia-a-dia. Deus iluminará seus passos e você será maduro e produtivo.

Leia a Bíblia todos os dias. Coma com a Bíblia, durma com a Bíblia, ore com a Bíblia, trabalhe com a Bíblia, namore com a Bíblia. Faça da Bíblia uma companhia. Diga o que disse John Piper: “Tire minhas pernas, mas não tire minha Bíblia.”

Que Deus te dê um amor inesgotável por Sua palavra!

Jônatas Bezerra Leônio

Comentários

Comentários

Comentários

Comentários

© Copyright - JesusCopy