Em nossos dias, presenciamos um fenômeno de intensa e constante aceleração dos processos de amadurecimento dos filhos do maligno e dos filhos de Deus. A degradação familiar, a perca da qualidade dos relacionamentos, a busca desenfreada por sexo, dinheiro e poder, somada a tempestade materialista e consumista de nossos dias, tem produzido o pior tipo de homem que já andou sobre a Terra. Por outro lado, a compreensão da sã doutrina, o anseio pela prática dos princípios básicos da vida cristã, a consciência de se mover em unidade, somadas a grande herança espiritual e promessas proféticas que passam de geração em geração, tem despertado aqueles que estão destinados a ser geração mais parecida com Jesus da história da igreja.

Vivemos em dias intensos e singulares. Em que temos visto o trigo e o joio chegando a sua maturação completa. Estamos entrando nos piores dias da humanidade, e nos melhores dias da igreja. Dias que precedem o retorno do Messias. As trevas cobrem a Terra, mas sobre os filhos de Deus paira a maior oportunidade de brilhar que já foi dada a uma geração cristã. Estamos a um passo de viver dias em que veremos o maior despertamento, acompanhado pelo maior avivamento da história da igreja.

Esse avivamento irá levar o povo de Deus a confrontar não por palavras, mas pela prática, todas as práticas imorais que fazem parte do sistema religioso corrompido. Fato que acontecerá mediante a restauração da compreensão e vivencia dos princípios originais da fé cristã que envolvem santidade, amor, fidelidade, família e vida em comunidade.

A libertação de uma fé corrompida, somada ao retorno a uma fé genuína, resultará nos homens mais semelhantes a Jesus já vistos na história da Igreja. Homens mais zelosos pela proclamação do evangelho que os apóstolos, mais amantes das Escrituras que os reformadores, mais santos que os puritanos, mais poderosos que os avivalistas. Ainda que pareça difícil chegar aos pés desses heróis da fé, a Igreja do tempo do fim entende que o teto deles é o seu alicerce, e não descansa enquanto não viver a partir do legado que eles deixaram.

A fome e a sede pela Palavra de Deus estão aumentando, a verdadeira busca por poder do alto está ficando cada vez maior, e uma profunda paixão por Jesus não para de crescer no coração de homens e mulheres espalhados pelos quatro cantos da Terra. Eles vivem em meio a uma sociedade completamente entregue aos prazeres desse mundo, e em alguns casos, em meio a um sistema religioso morno e inoperante. Mas essas coisas não fazem com que eles deixem de buscar, pois todos já podem ver uma nuvem do tamanho da mão do homem. Todos já podem ver os sinais de grande chuva que está por vir antes do retorno do Messias.

Estamos prestes a nos tornar a Noiva imaculada dos últimos dias, a qual irá manifestar um testemunho pleno e genuíno de Cristo perante as nações. Portanto, ainda que os sinais indiquem o aumento das trevas, ainda que a corrupção do homem e aumento da maldade tentem minar a esperança, não devemos desanimar, pois os nossos melhores dias estão prestes a chegar. Os piores dias da humanidade não irão impedir os melhores dias da Igreja. Ela ainda será gloriosa.

Comentários

Comentários

Comentários

Comentários

© Copyright - JesusCopy